sábado, 12 de dezembro de 2009

O mundo de Jorge Lima: a sinopse

A tarefa da última semana do Curso de Jornalismo 2.0 era produzir um vídeo, com direito a sinopse, roteiro e storyboard.  Esta última, acabou prejudicada, em função do tempo. A ideia, então, foi abordar a Casa Jorge Lima, memorial que descobri, apesar das portas fechadas, em função do TCC de meus orientandos. Apesar dos entraves, conseguimos as chaves. Pude, então, fazer as filmagens e realizar uma longa visita.  Segue a sinopse!



SINOPSE

A Casa Jorge Lima, memorial dedicado ao renomado poeta modernista, foi inaugurada há pouco menos de um ano, em pleno Centro de Maceió (AL), mas vive fechada por carência de funcionários. O sobrado que abriga o acervo dedicado ao autor foi integralmente restaurado com recursos da Lei Rouanet, e agora se prepara para tentar receber os turistas pelo menos nos próximos três meses, os de alta temporada. No espaço, estão textos, telas, painéis, esculturas e objetos pessoais de Jorge Lima, um dos mais renomados poetas alagoanos, que integrou a chamada geração de 30 e  foi contemporâneo de José Lins do Rego, Graciliano Ramos, Murilo Mendes e Cecília Meireles.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Loading...